Menu aqui

4° Festival na Ponta do Nariz

0
Posted 2 de April de 2014 by Ton Freitas in Eventos
palhaço

Grupo Bastet de Teatro, com apoio da Lei Municipal de Cultura abre programação do 4° Festival Na Ponta do Nariz. A mobilidade e a qualidade de vida nos centros urbanos é o tema da Palhaceata que, saindo da Praça Cívica rumo à Praça Universitária, dia 4 de abril, às 16h, abre a programação do evento.

O festival se prolonga até o dia 25 de abril e prevê diversas atividades, com espetáculos nacionais e internacionais, cursos, oficinas, mostra de vídeo e show musical. “Na Ponta do Nariz” visa o aprofundamento na linguagem do palhaço, promovendo a formação de redes colaborativas e o fortalecimento dos vínculos entre os coletivos artísticos.

Serviço
Evento “4° Festival na Ponta do Nariz”

Data: de 4 a 25 de abril
Mais informações: (62) 3609-0028

 

Programação Completa

4 abril (sexta)

Palhaceata
Concentração: Praça Cívica – 16h 
Percurso: da Praça Cívica à Praça Universitária, passando pela avenida universitária.

A mobilidade e a qualidade de vida nos centros urbanos é o tema da Palhaceata da quarta edição do festival. Uma parada de rua para todos aqueles que acreditam que a Cidade pode ser um lugar melhor para se viver. Ato público que mobiliza palhaços, músicos, artistas de rua, ciclistas, skatistas, o Bloco Desencuca, artistas plásticos e comunidade em geral.
Espetáculo: O Circo Quase Só
Cia. Tem Sim Sinhô│Anápolis/GO
Local: Praça Universitária – 18h
Entrada franca
O Circo Quase Só é inspirado na cultura popular brasileira. Simples e belo, reúne cenas tradicionais de circo e músicas populares, em um circo sem lona, onde o Palhaço Siriguela, com suas brincadeiras singelas, atrapalhadas e encantadoras se transforma em malabarista, monociclista, mágico, palhaço perna-de-pau, engolidor de fogo, dá vida a bonecos, canta, dança e brinca com o público.
Espetáculo: Canta Clown
Marta Carbayo │Dinamarca/Espanha
Local: Teatro IFG (Rua 75 n° 46, Centro) – 20h
Ingresso: contribuição espontânea, após o espetáculo. Valor sugerido: R$ 20
A Palhaça Carbayo nos apresenta seu repertório seleto de música lírica, um pretexto para uma sequência de situações hilárias que parecem não ter fim, onde até o silêncio é estrondosamente divertido. Cada objeto que tira do seu decote  ganha vida própria e abre novos caminhos, renovando a atenção do espectador como se a apresentação acabasse de começar. Canta, baila e joga com tudo, humor sutil que faz lembrar o quanto pode ser belo e simples o fato de viver.
6 abril (domingo)
Espetáculo: O Inspetor Geral
Cia Mínima │Goiânia/GO
Local: Teatro Goiânia (Av. Tocantins c/ Av. Anhangüera, Qd. 67, Lt. 32, Centro) – 20h

Ingresso: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)

Governador de uma província longínqua da Rússia imperial fica aterrorizado ao receber a carta de um amigo da capital, alertando-o sobre a visita de um Inspetor Geral, nomeado pelo czar, para fazer uma devassa na administração pública. O enviado viajaria incógnito e em missão secreta. Sobre suborno, impunidade, corrupção dos governantes, malversação do dinheiro público, insensibilidade dos poderosos diante da fome e da miséria do povo – um texto atualíssimo, escrito por Gógol, em 1836, que costura enredo baseado em um mal-entendido.
11 abril (sexta)
Espetáculo: Era uma vez…
Teatro Casa de Fábio │ Rio Verde/GO
Local: Centro Cultural UFG (Avenida Universitária n° 1.533, Setor Universitário) – 20h
Ingresso: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)
Abordagem ao universo infantil em um espetáculo lúdico, em que a diversão leva à interação do público com os personagens comuns a tantas histórias da infância de todos nós: a bruxa, o Palhaço, o Gigante, o Sapo Falante. Era uma vez… busca despertar na criança o interesse pela leitura, pela arte. Um espetáculo em favor da Educação.
12 abril (sábado)
Espetáculo: História de Goiás no Picadeiro
Circo Laheto │ Goiânia/GO
Local: Centro Cultural UFG (Avenida Universitária n° 1.533, Setor Universitário) – 20h
Ingresso: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)
Trabalho concebido a partir de pesquisas feitas sobre o processo de ocupação do território goiano. Por meio da linguagem do circo clássico e contemporâneo, 22 jovens artistas atendidos pelo premiado projeto de arte-educação do Circo Lahetô levam para o picadeiro os povos primitivos do Brasil Central, passando pelos ciclos do ouro, da fazenda goiana, da expansão das cidades, chegando até a fase atual, impactada pelo agrobusiness, da industrialização.
19 abril (sábado)
Espetáculo: O Não Lugar de Agada Tchainik
Lume Teatro │Campinas/SP
Local: Teatro SESI (Avenida João Leite n° 1.013, Setor Santa Genoveva) – 20h
Ingresso: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)
Presa entre desastres, onde a sobrevivência é tudo, e cada próximo passo é uma decisão agonizante a ser – ou não ser – tomada, AgadaTchainik convida a audiência a segui-la, junto com seus “companheiros de estimação”, em sua viagem. Compulsiva, à beira de um ataque de nervos, com sua fala errante, ela torna o público seu grande parceiro, com quem interage, ora convocando sua ajuda, ora implicando com algum espectador, ora provocando, rindo, brigando. Conforme ela caminha por sua própria mente confusa, passeando por assuntos diversos, que vão desde lavar pratos até problemas diplomáticos, o drama de sua alma, ridícula e dolorosamente, se revela.
20 abril (domingo)
Espetáculo: Mimicando
Miquéias Paz │ Brasília/DF
Local: Teatro SESI (Avenida João Leite n° 1.013, Setor Santa Genoveva) – 20h
Ingresso: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)
Um espetáculo divertido, que tem como base a linguagem gestual. Formado por diversas histórias inspiradas no cotidiano, o público é convidado a interagir com o enredo, subindo ao palco num espetáculo colaborativo que pode agradar a plateias de todas as idades.
24 abril (quinta)
Espetáculo: Vamos a la Praia
Grupo de Teatro Bastet │Goiânia/GO
Local: Teatro Goiânia (Av. Tocantins c/ Av. Anhangüera, Qd. 67, Lt. 32, Centro) – 20h

Ingresso: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)

Os palhaços resolvem ir à praia, em um lindo dia de sol. No entanto, onde moram não existe praia. Resultado: eles misturam realidade com sonho e, aos poucos, a praia surge diante dos sentidos do público. As sensações de bem-estar, alegria e prazer inundam o espectador, podendo transportá-lo a uma praia mística. Em cena, os palhaços transformam situações simples em acontecimentos inusitados, num divertido jogo de interação com a plateia, abusando das sonoridades, das possibilidades de comunicação corporal e da comicidade.
25 abril (sexta)
Mercado de Bobagens
Local: Martim Cererê (Rua 94-A s/n, Qd. 18, Lt 1, Setor Sul) – 18h
Venda e exposição de artigos de palhaçaria e outras fabulosas bobagens.
4º Cabaré Na Ponta do Nariz – Espetáculo de Variedades
Local: Martim Cererê (Rua 94-A s/n, Qd. 18, Lt 1, Setor Sul) – 20h
Ingresso: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)
Resultado e parte de um processo de aprofundamento na linguagem do palhaço, o Cabaré Na Ponta do Nariz é um espetáculo constituído por cenas curtas criadas ou lapidadas durante as oficinas do festival, com a participação de artistas profissionais de Goiás e de outros Estados brasileiros.  Apresentado pelo palhaço Florentim Valentim, conta com participação da banda do espetáculo Vamos a La Praia, do Grupo Bastet.
CineClown
14 a 18 abril
Mostra de filmes raros de palhaços.
Local: Espaço Sonhus Teatro Ritual (Rua 21, nº10, Centro, Colégio Lyceu – Goiânia, GO)
Horários e programação estão disponíveis em www.napontadonariz.com .
Entrada franca
Atividades de formação
Oficina: Confecção e utilização de máscaras
1 a 3 abril e 7 a 9 abril
Horário: 19h às 22h
Ministrantes: Marcos Amaral Lotufo (Oficina Cultural Geppetto – GO) e Franco Pimentel (Cia. Mínima – GO)
Carga horária: 20 h/a
Local: Oficina Cultural Geppetto (Rua 1013 Qd.39 Lt.11 nº 467, Setor Pedro Ludovico)
Inscrições: até 25 de março (enviando um e-mail para grupobastet@gmail.com informando título da oficina, você receberá de volta uma ficha de inscrição, lista de materiais e regras para participação)
Atividade gratuita.
Oficina: Técnicas circenses e percussão como aparato para o trabalho do palhaço
1 a 5 abril
Horário: 9h às 13h
Ministrantes: Lua Barreto (Cia. Corpo na Contra-Mão e Clube da Folia) e Thiago Verano (Vida Seca).
Local: Espaço Sonhus (Rua 21, nº10, Centro, Colégio Lyceu de Goiânia)
Carga horária: 20 h/a
Inscrições: até 25 de março (enviando um e-mail para grupobastet@gmail.com informando título da oficina, você receberá de volta uma ficha de inscrição, lista de materiais e regras para participação)
Atividade gratuita.
Curso: O riso e a mímica
7 a 11 abril
Local: Espaço Quasar (Rua T-28 n° 717, Setor Bueno) – 9h às 13h
Ministrante: Miqueias Paz (DF)
Carga horária: 20 h/a
Inscrições: até 25 de março (enviando um e-mail para grupobastet@gmail.com informando título da oficina, você receberá de volta uma ficha de inscrição, lista de materiais e regras para participação)
Atividade gratuita.
Oficina do Riso
7 e 9 abril
Local: Sede do projeto Cuca Fresca (rua c-143, qd.337, lt.03, Jardim América, Goiânia) – 15h às 17h
Ministrante: Thiago Moura, Grupo de Teatro Bastet (GO)
Carga horária: 4 h/a
Público alvo: usuários do projeto Consultório na Rua e Cuca Fresca
Atividade gratuita.
Curso: Clown through mask
14 a 25 abril – exceto sábado e domingo
Local: Espaço Quasar (Rua T-28 n° 717, Setor Bueno) – 9h às 13h
Ministrante: Sue Morrison (Toronto, Canadá)
Carga horária: 40 h/a
Inscrições: até 25 de março pelo e-mail grupobastet@gmail.com. Para profissionais de teatro e de palhaçaria de todo o País, o festival oferece 12 vagas gratuitas. Outras 6 vagas estarão abertas com custo de inscrição no valor de R$ 1.500,00.
Seleção para vagas gratuitas: Dentre os critérios de seleção, o festival vai observar a qualidade do currículo artístico, experiência e pesquisa com a linguagem do palhaço e comicidade. Para validar participação, os participantes deverão ter disponibilidade de tempo para atividades a serem realizadas em outro período, que não o do curso. Também deverão se comprometer com a participação no Cabaré Na Ponta do Nariz, apresentando uma cena de até 5 minutos, no dia 25 de abril de 2014.

 


Sobre o Autor

Ton Freitas


0 Comentários



Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário


(obrigatório)